Notícias

CERTI e EMBRAPA criam rede para incentivar a indústria 4.0 no agronegócio

Evento gratuito de matchmaking realizado em São Paulo nos dias 9 e 10 de dezembro busca soluções em conservação de alimentos, sanidade animal e segurança alimentar

Empresários, frigoríficos e investidores estarão de olho em startups ligadas à cadeia do gado de corte, ou que tenham inovações com possibilidade de aplicação no setor. Conservação de alimentos, sanidade animal, segurança alimentar e educação desde o trabalhador do campo até o cliente final serão os grandes temas do evento gratuito Gado de Corte 4.0, que será realizado em São Paulo entre 9 e 10 de dezembro pela Rede de Manufatura Avançada para o Agronegócio (RAMA). As startups e pequenas empresas devem enviar suas propostas de projetos para participarem de um bootcamp no primeiro dia de evento e as apresentarem para grupos de investidores no 2º dia. A programação do dia 10 será aberta a todos os interessados no assunto e contará com um workshop sobre a transformação digital desta cadeia.

O evento está sendo promovido pelos parceiros na criação e gerenciamento da RAMA: a Fundação CERTI, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (EMBRAPA), o Ministério de Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações (MCTIC), o Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) e a BASF, que cede o espaço Onono para a realização das atividades. A programação conta com palestras sobre aceleração de startups, estratégias para apresentação de pitches e oficinas para modelamento de negócios. Até 9 empresas participantes serão classificadas para o evento de matchmaking do dia 10, com investidores de venture capital, empresas frigoríficas, varejistas e representantes do governo. “A primeira colocada poderá firmar uma parceria com a EMBRAPA, além de participar do programa Pontes para Inovação, uma iniciativa que conecta as startups ligadas ao agronegócio com investidores, para acelerar seus negócios.”, explica André Luiz Oliveira, coordenador da RAMA na Fundação CERTI.

Como participar 

Para participar do evento, as empresas e ICTIs devem apresentar soluções inovadoras ligadas às necessidades do mercado identificadas pela RAMA, como redução de custos na produção ou logística da cadeia, geração de impacto positivo no meio ambiente e uso de tecnologias habilitadoras da Indústria 4.0, como mobile, IoT, Impressão 3D, Sensores Inteligentes, Big Data, entre outros. “É importante também que as inovações tenham capacidade de integrar diferentes agentes da cadeia, criando oportunidades de cooperação e avanço mútuo nos elos, e possam minimizar conflitos”, diz Oliveira. Podem se inscrever empresas que tenham tecnologias com todos os níveis de maturidade, desde soluções em validação laboratorial até protótipos testados em campo.

As inscrições são gratuitas, tanto para o bootcamp, quanto para o workshop. Para o bootcamp, as propostas devem ser enviadas até 08 de novembro, enquanto para o workshop, realizado no dia 10, as inscrições podem ser feitas até 9/12. As vagas são limitadas. O objetivo da criação da RAMA é conectar as cadeias do agronegócio, com foco principal na redução de custos e aproveitamento de oportunidades comuns para criar valor à cadeia do gado de corte, utilizando as tecnologias e a filosofia da Indústria 4.0.

SERVIÇO

O que: Bootcamp e Workshop Gado de Corte 4.0
Quando: 9 e 10 de dezembro
Onde: Espaço BASF / Onono – Avenida das Nações Unidas, 14171, Torre C, 9º andar, Vila Gertrudes, São Paulo/SP
Inscrições: bit.ly/eventogadodecorte